PESSOAS QUE ACOMPANHAM E CURTEM ESSA HISTÓRIA

C O M P A R T I L H E

segunda-feira, 14 de julho de 2014

FLORESTA AZUL PARTICIPOU DA 5ª CIR EM ITABUNA


Texto e fotos: Ascom Floresta Azul | Saúde

Ocorreu no último dia 08 de julho, no auditório da 7ª DIRES, em Itabuna, a 5ª Reunião Ordinária da Comissão Intergestores Regional (CIR), composta por todos os secretários municipais de Saúde da região.
A reunião teve como principais pontos de pauta a apresentação do relatório do monitoramento do Rede Cegonha, na cidade de Itabuna, e a denúncia feita pela Secretaria de Saúde do município de Ibicaraí referente à falta de atendimento de uma parturiente no dia 09/06/14 no Hospital Manoel Novaes, tendo como consequência o óbito da criança.
Os secretários de Saúde da região solicitaram a presença da AMURC, Ministério Público, SESAB e Ministério da Saúde, uma vez que os problemas para encaminhamento de pacientes aos hospitais vem piorando a cada dia. Compareceram também à reunião vereadores dos municípios de Ibicaraí e Floresta Azul.

A visita do monitoramento do Rede Cegonha foi realizada nos Hospitais Manoel Novaes e Calixto Midlej no dia 14 de maio com equipe formada por 01 representante da SESAB, 01 representante do Ministério da Saúde, o secretário de Saúde do município de Itabuna (na época o Dr. Plínio Adry) e 03 representantes do COSEMS – Conselho dos Secretários Municipais de Saúde (Secretário de Saúde de Ibicaraí, Pinheiro Farias; Secretária de Saúde de Camacan, Aldeci Bezerra; Secretária de Saúde de Floresta Azul, Domilene Costa). 


Vereador Joginho, Secretária de Saúde Domilene Borges e a Vereadora Irá


Durante a visita, pode-se observar, além de várias pendências, que apesar dos municípios passarem por dificuldades diárias para internamento de gestantes de alto risco no Hospital Manoel Noves devido à falta de leitos, no momento da visita, dos 12 leitos destinados, apenas 4 estavam ocupados.

O prefeito de Ibicaraí e presidente da Amurc, Lenildo Santana, externou as dificuldades que o município vem passando quando se necessita de atendimento hospitalar. Lenildo falou também da cobrança do Ministério Público aos municípios menores para que realizem procedimentos que estão pactuados com o município de Itabuna. 

As secretárias de Saúde de Buerarema, Floresta Azul e Itapé explicaram também sobre a dificuldade que os municípios pequenos enfrentam para manter os plantões médicos sem receber nenhuma forma de financiamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

faça comentários, críticas, elogios e/ou sugestões. Este site não publica ofensas

FLORESTA AZUL

FLORESTA AZUL
MAPA DA CIDADE

FLORESTA AZUL

FLORESTA AZUL
MAPA TERRITORIAL

Mapa das Torcidas

PARTICIPE